.

.
Clique na imagem acima para acessar nossa nova página no Facebook e interagir com outros leitores e comigo

sábado, 9 de maio de 2009

Universalismo Cristão - Uma Breve Definição


-->
Muitas pessoas hoje entendem o termo "Universalismo", em se tratando de religião, como uma palavra que designe a crença de que "todas as religiões sejam igualmente verdadeiras, boas, e que todas igualmente levem a Deus". Essa definição de "Universalismo" poderia ser melhor descrita como "Universalismo Pluralista" e poderia ser equalizada ao "humanismo secular".

Essa definição de "Universalismo" não deve ser confundida com o sentido original de "Universalismo" no Cristianismo. O sentido original de "Universalismo" na tradição cristã poderia ser agora melhor descrita usando-se o termo "Universalismo Cristão".

A definição de Universalismo Cristão inclui a crença de que Deus "quer que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade" (1 Timóteo 2:4).

O termo "Universalismo Cristão", em seu sentido teológico, é a doutrina da salvação universal; ou em outras palavras, da santidade e felicidade final de toda a humanidade, a ser efetuada pela graça de Deus, por meio do ministério de Jesus Cristo.

Essa doutrina é tão antiga quanto o próprio Cristianismo, e tem sido ensinada por alguns dos maiores mestres da Igreja Cristã, e em quase todos os períodos de sua história. Essa era a doutrina da maioria dos primeiros cristãos durante os primeiros cinco séculos depois de Cristo. Das seis principais escolas teológicas existentes do segundo ao quarto século, quatro delas acreditavam e ensinavam os conceitos do Universalismo Cristão, uma ensinava a aniquilação, e apenas uma ensinava o tormento eterno (a escola de Roma). Pode-se encontrar membros de quase todas as comunhões cristãs - gregos, romanos, luteranos, anglicanos, presbiterianos, metodistas, batistas, unitaristas, quacres, etc -, mesmo que diferindo em muitos aspectos, concordando com esta doutrina divina, a de que Deus ama todas as pessoas e que salvará a todas elas.

Há, pelo menos, cinco princípios básicos abraçados por cristãos universalistas desde que o movimento universalista cristão tomou forma a partir da Reforma Protestante. Esses princípios são a crença na:

1 - Paternidade Universal de Deus;

2 - Autoridade e liderança espiritual de Jesus Cristo;

3 - Confiança na Bíblia como contento uma revelação de Deus;

4 - Certeza na justa retribuição pelo pecado;

5 - Harmonia final de todas as almas com Deus.
Postar um comentário