.

.
Clique na imagem acima para acessar nossa nova página no Facebook e interagir com outros leitores e comigo

sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Afirmações do Cristianismo Unitarista

1. Compreensão Cristã de Deus. O Cristianismo Unitarista, fiel à ampla tradição do Cristianismo universal (ou católico) no qual surgiu, e em favor do qual tem trabalhado, e ao qual tem servido desde o início, afirma seu compromisso livre e racional com aquela revelação do significado de Deus, que é manifesto e simbolizado em Jesus Cristo, sua vida, obra, ensinamentos, paixão, e morte, como esta vida tem sido exposta no Novo Testamento, e como foi simbolizada naquela experiência da ressurreição da qual a Igreja presta testemunho.

2. Dignidade Humana. O Cristianismo Unitarista afirma aquela compreensão cristã da natureza humana que reconhece os seres humanos como personalidades livres e sagradas, abençoadas com consciência, razão, e emoções, e capazes, na liberdade de sua vontade, tanto de aceitarem a graça de Deus e de se completarem em união com Deus, quanto de se destruírem em alienação de Deus. Mas Deus, reconhecemos, como o Senhor da Vida, é o único juiz da existência, e somente na providência de Deus está o destino último da humanidade, que não está sujeito nem à decisão da Igreja nem de qualquer outra instituição humana.

3. Liberdade de Espírito. O Cristianismo Unitarista afirma como seu dever básico, e como seu lugar no desenvolvimento histórico do cristianismo institucional, a delicada tarefa de preservar a liberdade do espírito dentro da comunidade cristã, e reconhece as afirmações legítimas de uma pluralidade de interpretações religiosas e suas expressões dentro da unidade essencial e vida comum da Igreja.

4. A Aliança Congregacional como Base da Igreja Livre. O Cristianismo Unitarista afirma o valor e a necessidade da congregação cristã, reunida por aliança voluntária, onde Deus é adorado, e as pessoas se unem nos laços da fé, esperança, e amor: essa união sendo entendida como a presença redentora do Espírito de Cristo no mundo através da ação da Igreja.

5. Liberdade Cristã e Integridade Intelectual. O Cristianismo Unitarista, em sua defesa da liberdade cristã, busca interpretar a mensagem cristã no contexto do tempo e lugar, e, portanto, recusa-se a endorsar qualquer credo particular da Igreja histórica como sendo final e suficiente, que sendo relativo às condições de uma situação histórica, foi, está ou será no futuro superado. Assim, os cristãos unitaristas recusam-se a impor um credo expressivo deste tempo a gerações futuras, da mesma forma como por meio da sabedoria de nossos ancestrais, crescemos em liberdade para descobrir a verdade cristã de uma nova maneira nesta era.

6. Ação Social e a Ética do Amor. O Cristianismo Unitarista afirma por meio de ação social os valores éticos inerentes ao evangelho cristão, e sempre tenta relacionar esse evangelho a todas as esferas do pensamento e existência humanos.

7. Tolerância Religiosa Universal. O Cristianismo Unitarista, enquanto insistindo no valor e integridade básicos da mensagem cristã como um poder de redenção, busca promover uma compreensão e apreciação de tradições religiosas diferentes daquelas presentes na herança cristã, e assim, ativamente esposa todos os verdadeiros esforços ecumênicos para unir as pessoas em amor, respeito mútuo, paz, e boa-vontade.


(Congregação Unitarista de Pernambuco)
Postar um comentário